ECOM LOGO PNG_18 anos_transparente.png
RECUPERAÇÃO ESTRUTURAL

Consiste no reparo das regiões que apresentam manifestações patológicas, normalmente ocasionadas pelo ingresso de agentes pela porosidade do concreto, trincas e fissuras decorrentes de dilatação térmica e falta de impermeabilização adequada, ocasionando a expansão de barras de aço, em função da formação de oxi-hidróxidos onde o volume da barra se torna de 3 a 8 vezes maior, gerando fortes tensões de ruptura ocasionando o desplacamento do concreto. Para este tratamento utilizamos os procedimentos normatizados: delimitação em formato geomé-trico, tratamento das armaduras, recomposição com argamassa e aplicação de inibidor de corrosão misto, diminuindo a velocidade da corrosão e aumentando o ciclo de manutenção em até 15 anos.

JUNTAS DE DILATAÇÃO

A junta de dilatação consiste em um vão entre dois componentes estruturais que tem por objetivo permitir a dilatação térmica (expansão e retração do concreto), com isso se faz necessário o tratamento e recuperação com reforço de borda em material epoxídico ou cimentício. Na sequência as superfícies devem receber primer de aderência e selantes com módulos de elasticidades e fator de forma que devem obedecer os requisitos de cada projeto e fabricante.

INJEÇÃO DE EPÓXI

Trata-se de um sistema voltado à proteção de concreto, selamento de trincas e fissuras, que solidifica a estrutura, tornando-a monolítica. Também utilizado para preenchimento de lâminas de vazio sob base de equipamentos industriais, geradas pela exsudação e retração do concreto, auxiliando na redução das vibrações transmitidas pelos equipamentos à estrutura.

INJEÇÃO SOB BASE DE EQUIPAMENTOS

Embora o grout cimentício possua retração e exsudação compensada, normalmente após a aplicação sob a base de um equipamento são geradas lâminas de vazios, o não preenchimento das mesmas gera, por consequência, vibrações, trincas, fissuras e desplacamento que podem comprometer a estabilidade e funcionamento do equipamento, com isso se faz necessário a injeção de epóxi estrutural a partir de 0,005 mm, com o objetivo de preencher os vazios e  calçar o equipamento.